A real controvérsia entre Neocalvinismo e Teologia dos Dois Reinos

Não acredito que exista divergência entre neocalvinismo e teologia dos dois reinos quanto a dicotomia “sagrado-profano”. Ambos concordam que existam o sagrado e profano.  Prova-se isso de modo bem simples: Poderia um neocalvinista aceitar administração da Ceia do Senhor realizada por um “pai de santo”? Estou certo que não. Primeiro, isto fere o princípio regulador do culto. Segundo, é um gravíssimo pecado contra o Sacramento instituído pelo Senhor. O que é esta prática se não profanação da Mesa do Senhor?

Leia mais »

Anúncios

Hanserd Knollys e o Reino do Céu

Hanserd Knollys se tornou Batista durante o tempo da guerra civil inglesa e serviu como pastor Batista até sua morte em 1691.  Foi grande defensor dos distintivos batista,. Também se envolveu na controvérsia do canto congregacional entre os Batistas. Sua ideia de reino milenar* era peculiar, não obstante, proporcionou bons materiais acerca do reino “comum”, reino do céu e natureza da igreja visível.Leia mais »

John Owen e a subserviência do reino comum dos homens

O teólogo dos Dois Reinos deve se preocupar com a moralização da cultura porque existe uma realidade e um sistema ético. John Owen, em dois tratados, “O Reino de Cristo e o Poder do Magistrado Civil” e “A vantagem do Reino de Cristo”, afirma que Jesus é rei sobre tudo. Não obstante, existem duas administrações da realidade, ou, dois reinos que subsistem na mesma realidade. Diz Ele:Leia mais »

John Erskine: A natureza do Pacto no monte Sinai – Parte I

O propósito dessa série de postagens (não sei quantos posts renderão porque a obra é grande, são 332 páginas) é apresentar o resumo da obra de John Erskine (1721-1803) que responde, negativamente, as seguintes questões: “O Pacto no Monte Sinai prometia vida eterna?”, “O Pacto de Graça é o cumprimento do Pacto no Sinai?”.

John Erskine (1721-1803) foi um ministro presbiteriano escocês que contribuiu para o movimento do Ato de Abolição . Seu pai foi John Erskine (1695 – 1768), professor de Lei da universidade de Edimburgo. Erskine (filho) rejeitou a ideia americana e britânica de um “estado democrático (país/nação) santo” e igreja nacional. A igreja não possuía mesma substância e forma do Israel Nacional.

Leia mais »